10/07/2020 às 13h50min - Atualizada em 30/07/2020 às 00h01min

A importância dos caminhoneiros e sindicatos da categoria para o país

SETCEPAR comemora 77 anos em um momento que põe luz sobre o papel fundamental destes profissionais para o desenvolvimento do Brasil

DINO


Fundamental para interligar um país de dimensões continentais, o setor de transportes atua diretamente em 37 das 68 atividades que compõem a economia brasileira, como aponta um levantamento divulgado em maio pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Por conta dessa condição, o transporte rodoviário de cargas (um dos modais do segmento) é responsável, de forma direta e indireta, por até 29% do PIB nacional.

Em meio à pandemia do novo coronavírus, a importância do setor para o país ficou ainda mais evidente, visto a limitação da mobilidade urbana e necessidade do isolamento social. Para evitar o desabastecimento da população e permitir fluidez na economia, o transporte de cargas foi considerado serviço essencial, permitindo a interligação entre mercados produtores e consumidores. A crise da COVID-19 destacou ainda mais a importância de outra engrenagem fundamental para o segmento: o trabalho dos sindicatos.

Completando 77 anos de atividades em 12 de julho, o SETCEPAR - Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas no Estado do Paraná congrega essa categoria. Porta-voz do setor, atualmente o sindicato representa cerca de 12 mil empresas em 265 cidades do Paraná, oferecendo aos associados diversos serviços e eventos para fomentar melhorias no Transporte Rodoviário de Cargas.

"O Sindicato é um meio de manter as empresas informadas sobre situações de melhorias, aproximação com fornecedores e novas tecnologias, qualificação e treinamento. Para os próximos anos, vamos ter que nos preparar para o 'novo normal', que ainda não sabemos exatamente o que será, mas que já estamos estudando para oferecer as melhores alternativas aos associados e ao setor de transporte de cargas", afirma o presidente do SETCEPAR, Marcos Egídio Battistella.

Com o objetivo de mitigar os danos causados pela pandemia da Covid-19 no setor, o sindicato disponibilizou testes rápidos, máscaras laváveis e frascos com álcool em gel a preço de custo para os associados, além de isentar as mensalidades dos meses de abril e maio. Além disso, a entidade desenvolveu diversas ações estratégicas como auxílio jurídico relativo às novas medidas trabalhistas, processo de recrutamento e seleção sem custos, acesso gratuito à plataforma de cursos à distância (EaD) da instituição, 50% de desconto nas mensalidades de julho e agosto, entre outros.

Informações para a imprensa:
Básica Comunicações - agência de conteúdo
Daniela w. Licht - daniela@basicacomunicacoes.com.br

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp