24/08/2020 às 14h21min - Atualizada em 24/08/2020 às 14h33min

Operação Porto Seguro: vendas do varejo crescem 7%

Por atividade, em junho de 2020, os dados do comércio varejista do estado baiano, quando comparados aos de junho de 2019, revelam que três segmentos que compõem o indicador do volume de vendas registraram comportamento positivo.

DINO
http://www.operacaoportoseguro.com.br
Pesquisa de Preços


Após quedas amargas motivadas pela COVID-19, o comércio nordestino começa a dar sinais de retomada. As vendas no comércio varejista baiano registraram, em junho de 2020, variação positiva de 7,0%, frente a maio, na série com ajuste sazonal. Na comparação com igual mês do ano anterior, houve recuo de 12,6%. No semestre, a taxa do volume de negócios foi negativa em 11,3%. Esses dados foram apurados pela Pesquisa Mensal de Comércio (PMC) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) – realizada em âmbito nacional – e analisados pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), autarquia vinculada à Secretaria do Planejamento.

Por atividade, em junho de 2020, os dados do comércio varejista do estado baiano, quando comparados aos de junho de 2019, revelam que três segmentos que compõem o indicador do volume de vendas registraram comportamento positivo. Assim, o desempenho positivo nesse mês ficou por conta dos segmentos de Móveis e eletrodomésticos (23,7%), Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (6,0%), e Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (1,4%).

O comércio varejista ampliado, que inclui o varejo e mais as atividades de Veículos, motos, partes e peças e de Material de construção apresentou crescimento de 11,9% em relação a maio, na série com ajuste sazonal. Em relação a Material de construção, as vendas no mês de junho foram positivas em 41,6%, na comparação com o mesmo mês de 2019.

Operação Porto Seguro ouve consumidores

O Portal Operação Porto Seguro foi às ruas da cidade para ouvir os moradores sobre a ida ao comércio. Para a moradora Rose Noronha, que teme muito o contágio da COVID-19, existem muitas pessoas indo ao mercado sem os cuidados básicos. “Eu vou porque preciso ir, mas tomo todos os cuidados. Mas já cansei de ver pessoas sem máscara nos estabelecimentos”, lamenta. “Sinto que melhorou o fluxo de pessoas em meu estabelecimento”, comemora o comerciante, Jailson Cunha Borges.

O volume de serviços também avançou 3,7% na Bahia em junho, em comparação com o mês imediatamente anterior, na série com ajuste sazonal. Os efeitos da pandemia sobre o setor de serviços começaram a ser sentidos nos últimos 10 dias do mês março e se aprofundaram nos dois meses subsequentes. Diante deste cenário, na comparação com junho de 2019, o volume de serviços na Bahia caiu 23,1%, o indicador acumulado no ano retraiu 16,5% e o indicador acumulado em 12 meses decresceu 9,9%. Já a receita nominal de serviços cresceu 2,1%, na comparação com maio de 2020, com ajuste sazonal. Na comparação com junho de 2019, caiu 24,3%, o indicador acumulado no ano retraiu 15,3% e o indicador acumulado em 12 meses decresceu 7,6%.



Website: http://www.operacaoportoseguro.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp