16/07/2021 às 01h23min - Atualizada em 16/07/2021 às 02h20min

Tecnologia Violeds da Seoul Viosys comprova 99% de desinfecção da variante Delta da COVID-19 em um segundo para apoiar a prevenção de vírus transportados pelo ar

DINO


A Seoul Viosys (KOSDAQ: 092190), fornecedora líder mundial de dispositivos de semicondutores compostos e subsidiária da Seoul Semiconductor, anunciou ter confirmado que a variante Delta da COVID-19 altamente infecciosa (SARS-CoV-2: B.1.617.2) foi desinfetada (inativada) em 99,3% em um segundo de acordo com um experimento de desinfecção de superfície usando a tecnologia Violeds conduzido pela equipe de pesquisa da Universidade da Coreia em julho de 2021. No experimento de desinfecção do ar usando a tecnologia Violeds conduzido no laboratório da Seoul Viosys (60㎥), o vírus foi reduzido em 90% em 10 minutos.

Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: https://www.businesswire.com/news/home/20210715006142/pt/

Laboratório da Seoul Viosys e diagrama de configuração do experimento de desinfecção do ar * Componentes para teste de desinfecção: módulo Violeds, fonte de alimentação, exaustor, tubo (Gráfico: Business Wire)

Laboratório da Seoul Viosys e diagrama de configuração do experimento de desinfecção do ar * Componentes para teste de desinfecção: módulo Violeds, fonte de alimentação, exaustor, tubo (Gráfico: Business Wire)

Laboratório da Seoul Viosys e diagrama de configuração do experimento de desinfecção do ar * Componentes para teste de desinfecção: módulo Violeds, fonte de alimentação, exaustor, tubo (Gráfico: Business Wire)

Em um experimento de desinfecção conduzido por uma equipe de pesquisa da Universidade da Coreia no ano passado, a Seoul Viosys confirmou que a tecnologia Violeds desinfeta 99,9% do vírus da COVID-19 em 30 segundos. Além disso, no experimento de desinfecção do ar do Laboratório de Testes da Coreia (KTL), o resultado da pesquisa mostrou que a tecnologia Violeds desinfeta 99% de um espaço de 60㎥ em 30 minutos.

“A tecnologia Violeds é inovadora porque pode ser facilmente instalada em várias instalações multiuso, bem como em espaços subterrâneos mal ventilados, podendo minimizar a propagação de vírus pelo ar. Espero que o governo e as empresas de eletrodomésticos usem ativamente essa tecnologia para evitar a propagação da infecção e também que os governos locais tenham um papel ativo no alívio do sofrimento dos autônomos o mais rápido possível”, disse Chung-hoon Lee, CEO da Seoul Semiconductor e fundador da Seoul Viosys.

Espera-se que a tecnologia Violeds, que pode ser instalada não apenas em purificadores de ar e condicionadores de ar, mas também em dutos (sistemas de ar-condicionado) de edifícios, desempenhe um papel importante na criação de um ambiente de trabalho agradável para escritórios ou edifícios públicos.

“A superfície contaminada pelo vírus da COVID-19 é relativamente fácil de desinfetar rapidamente porque o vírus permanece parado, mas os vírus transportados pelo ar são muito contagiosos, pois são difíceis de desinfetar em espaços internos em um curto período de tempo. Realizamos repetidamente vários estudos e experimentos com professores consultores e garantimos uma maneira de desinfetar mais de 90% da variante Delta da COVID-19 em 10 minutos, simplesmente instalando a tecnologia Violeds em um ventilador a um custo de menos de US$ 0,1 por dia”, Disse um funcionário da Seoul Viosys.

Sobre a Seoul Viosys

A Seoul Viosys é uma fornecedora de soluções completas para LED UV, VCSEL (laser de emissão de superfície de cavidade vertical), a fonte de luz de próxima geração para sensor 3D e laser, além de “Micro Clean Pixel” RGB de pixel único para monitores. Estabelecida em 2002 como uma subsidiária da Seoul Semiconductor, conquistou a principal participação de mercado na indústria de LED UV (LEDinside, 2020). A Seoul Viosys possui um extenso portfólio de LED UV com todos os comprimentos de onda (200 nm a 1.600 nm), incluindo raios ultravioleta (UV), raios visíveis e raios infravermelhos. Possui mais de 4.000 patentes relacionadasàtecnologia LED UV. Violeds, sua principal tecnologia LED UV, oferece soluções ideais para esterilização e desinfecção (UVC), regeneração da pele (UVB), purificação de água/ar e cultivo eficaz para horticultura a uma ampla gama de setores. Em 2018, a Seoul Viosys adquiriu a RayCan, uma especialista líder em optoeletrônica, para adicionar a tecnologia VCSEL avançada, a qual suporta o reconhecimento facial de smartphones e direção autônoma, além de ter iniciado sua produção em massa. Em janeiro de 2020, lançou um “Micro Clean Pixel” inovador que tem o potencial de ser uma virada de jogo no mercado de telas. Para saber mais, acesse http://www.seoulviosys.com/en/.

O que é Violeds?

Por 20 anos, desde 2002, empresas de três países, incluindo a Seoul Viosys, a Nitride Semiconductors do Japão e a SETi dos Estados Unidos, têm se concentrado em P&D de LED UV e, a tecnologia Violeds é fruto de anos de esforços. É uma tecnologia que fornece uma solução de desinfecção ideal adaptada a comprimento de onda, distância, ângulo, tempo e quantidade de energia de acordo com o tipo de bactéria e vírus. A tecnologia Violeds está sujeita aos Regulamentos sobre o Tráfico Internacional de Armas (ITAR) dos EUA.

Segurança da tecnologia Violeds da Seoul Viosys

1. Design preciso para bloquear completamente a exposição aos raios UV
2. Sensor de detecção de luz ultravioleta autodesenvolvido para detectar o status da operação normal e vazamento de UV
3. Controle perfeito do limite de exposição diária (3,1mJ/㎠) em conformidade com as normas internacionais de segurança
4. Desinfecção apenas com luz, sem o uso de produtos químicos prejudiciais para evitar danos ao usuário

Correlação entre o vírus da COVID-19 e o vírus Phi-X174

O vírus bacteriófago Phi-X174 (E. Coli fago Phi-X174) usado no experimento de desinfecção do ar da Seoul Viosys tem uma dosagem de UV de desinfecção (inativação) relativamente semelhante ao vírus da COVID-19 na literatura de pesquisa relacionada, não sendo patogênico para humanos. Esse vírus está sendo usado para testes de vírus transmitidos pelo ar em institutos de teste credenciados nacionais e estrangeiros, como o Laboratório de Testes da Coreia (KTL), o Instituto de Pesquisa de Produtos Eletrônicos da China e os Laboratórios de Engenharia e Pesquisa de Aerossol (ARE Labs) dos EUA.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:

Seoul Semiconductor Co., Ltd.

Jeonghee Kim

+82-70-4391-8311

jeonghee.kim@seoulsemicon.com


Fonte: BUSINESS WIRE
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp